Pular para o conteúdo
Voltar

Governo de MT entrega novilhas prenhas de raça leiteira para agricultura familiar

Entregas fazem parte do projeto de melhoramento genético do rebanho leiteiro do Estado
Luciana Cury | Seaf-MT

Novilhas entregues para Associação de Pequenos Produtores Santa Izabel, em Novo Horizonte do Norte - Foto por: Assessoria Seaf-MT
Novilhas entregues para Associação de Pequenos Produtores Santa Izabel, em Novo Horizonte do Norte
A | A

O Governo de Mato Grosso entregou, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf) e da Empresa Mato Grossense de Pesquisa Assistencia e Extensão Rural (Empaer), 45 novilhas Girolando meio sangue para agricultores familiares dos municípios de Novo Horizonte do Norte e Bom Jesus do Araguaia, como parte do projeto de melhoramento genético do rebanho leiteiro do Estado

As novilhas, adquiridas pelo Estado por meio de chamamento público realizado em junho deste ano, estão em gestação entre 4 e 8 meses, com embrião sexado de fêmea, também Girolando meio sangue. 

A primeira entrega foi feita para a agricultores familiares de Novo Horizonte do Norte, que receberam 30 novilhas, sendo 15 fornecidas pela Seaf e outras 15 pela Associação de Pequenos Produtores Santa Izabel. Já a segunda entrega foi realizada para a Cooperativa de Produtores Rurais de Bom Jesus do Araguaia (Cooperbomja), que recebeu 30 novilhas do Governo de Mato Grosso e outras 30 compradas pela própria cooperativa.

Os animais entregues pelas associações e cooperativas são contrapartidas previstas no chamamento público realizado pela Seaf. Até o momento, sete entidades sem fins lucrativos foram selecionadas. Elas devem adquirir o mesmo número de novilhas fornecidas pelo Estado, com as mesmas características. Assim, ao todo, são fornecidas duas novilhas por produtor. 

As associações e cooperativas indicam os produtores interessados e os técnicos da Empaer selecionam os que possuem condições de receber as novilhas, segundo critérios definidos previamente, como: terem condições de fornecer alimentação para os animais, instalações e produção de leite até 200 litros/mês.

As entidades também devem contratar um profissional para prestar assistência técnica aos produtores beneficiados pelo projeto. 

MT Produtivo Leite

Desde 2020 o Governo do Estado tem investido no melhoramento genético do leiteiro no Estado através da distribuição de sêmen, transferências de embriões e, agora, com a distribuição de novilhas prenhas. Desde então já foram 27 mil doses de sêmen, além de realizadas 847 prenhezes em 2021. Já neste ano estão em andamento 900 prenhezes, realizdas três empresas especializadas em reprodução em vários municípios do Estado.

De acordo com o cronograma, o próximo município a receber a doação das novilhas será Colniza, que receberá 44 novilhas por meio da Associação de Pequenos Produtores Rurais Porteirão, que também irá adquirir a mesma quantidade para distribuir entre os associados.